Modelos de eventos para Inovação Aberta6 minutos de leitura

O Hackathon é o único evento que a sua organização pode realizar para desenvolver ideias, se conectar com startups e solucionar os desafios do dia a dia? Essa é uma pergunta que muitos profissionais se fazem quando estão buscando identificar quais são os modelos de eventos para aplicar a Inovação Aberta em suas organizações e hoje a gente está aqui para poder clarear essas dúvidas e te ajudar nesse passo que é super importante e necessário.

Pensando diferente com modelos de eventos para inovacao

Organizações e seus objetivos com a Inovação Aberta

Uma coisa muito importante que qualquer profissional precisa ter no desenvolvimento de qualquer ação e não apenas as ligas à Inovação Aberta são as motivações. Uma motivação bem clara faz com que os eventos sejam mais assertivos e melhor direcionado para a sua organização até o exito. Algumas motivações que você pode começar a pensar um pouco melhor agora são:

  • Estratégia – definição estratégica alinhada com o planejamento da corporação (A motivação está relacionada com as aspirações da estratégia corporativa e fazem parte do planejamento da organização)
  • Culturainovar ou fortalecer a cultura de inovação através de novos aprendizados e novas metodologias (A corporação busca inovar e/ou fortalecer sua cultura de inovação, buscando no ecossistema práticas e aprendizados que possam contribuir com seus talentos internos.)
  • Novos negócios –  identificação de novas oportunidades de mercado que contribuem para a competitividade da empresa (uma busca por oportunidades de negócios que irão contribuir para a competitividade da empresa.)

E as motivações sempre refletem no objetivo que final do que a motivação traz para a realização de um determinado evento. A motivação é o que faz gerar o propósito sobre o que será desenvolvido e o objetivo é o resultado final que todos esperam e que tem de base para as próximas ações no contexto organizacional. Para além das motivações o foco no objetivo também é necessário para o alcance e atingimento real do que se imagina como resultado e alguns exemplos são:

  • Estratégia – Fortalecer a estratégia corporativa, identificar tendências tecnológicas, Monitorar soluções inovadoras, posicionar a marca no ecossistema de inovação, ampliar a cadeia de valor, diversificar o risco.
  • Cultura – Transformar a cultura da organização, aproximar talentos empreendedores, desenvolver uma cultura de inovação aberta, acessar conhecimentos e capacidades externas, aplicar novas ideias, experimentar metodologias novas.
  • Novos negócios – identificar novos modelos de negócios, solucionar desafios internos, expandir para novos mercados, aumentar a competitividade da corporação, obter ganhos financeiros, identificar oportunidades de investimento.

Compreendido as motivações e objetivos, é importante também entender o estágio de maturidade da sua organização e o contexto que ela se encontra para que possam existir ações mais assertivas e com o alcance dos resultados que se esperam de fato no contexto organizacional. Para que você possa compreender um pouco melhor sobre os estágios, vou falar sobre eles aqui:

Iniciantes

os eventos para esse estágio de relacionamento é usado para conhecer, prospectar e atrair startups, construir novas ideias e solucionar desafios práticos. Funciona como parte da estratégia de Business Scouting para identificação e exploração de oportunidades de negócios. Alguns dos eventos são:

  • Programa de ideias
  • Programa de parceiros
  • Prova de conceito (para startups)
  • Contratação
Intermediário

No estágio intermediário você já pode ter uma perspectiva diferente sobre a possibilidades que existem, sempre podendo explorar cada uma delas para trabalhar na consolidação do employer branding e fortalecer a visão da marca para com os clientes e criar novos laços de relacionamento também através de algumas ações como:

  • Canais de distribuição e marketing
  • Licenciamento
  • Programas próprios
  • Codesenvolvimento
Avançado

Assim como eu compartilhei no início desse blog com você, é importante entender as motivações organizacionais e os objetivos também para que a compreensão sobre o estágio de maturidade organizacional seja claro, tendo mais entendimento dos impactos positivos que cada um desses eventos possam ter dentro da organização. Vale ressaltar também que independente do seu estágio, existem consultorias e empresas que podem te ajudar a desenvolver esses eventos, facilitando o avança de maneira estruturada nas ações de inovação aberta na organização, como o Hackathon Academy e a Haze Shift.

E alguns desses eventos voltados para estágios mais avançados (não é uma regra), são:

  • Espaço físico (Hubs são bons exemplos)
  • Corporate Venture Capital
  • Aquisições 

A importância da inovação na sua organização

Comentamos há pouco tempo aqui no blog do Hackathon Academy sobre gerações e o impacto que elas podem ter no seu negócio e os eventos de inovação trazem pontos super necessários para o mantenimento da sua organização e até no desenvolvimento da mesma, como:

  • Rejuvenescimento da cultura corporativa
  • Inovar as ações da marca
  • Resolver problemas

Quando a gente fala sobre gerações precisamos estar ligados que essas novas gerações estão abdicando da compra de carro para o aluguel de carros como Uber e até mesmo a utilização de carros elétricos por curtos períodos de tempo, pouca utilização das lojas físicas e mais utilização de e-commerce, menos foco nas marcas e mais foco no que as marcas fazem sobre sustentabilidade, entre outros pontos que as novas gerações trazem consigo nos novos modelos de consumo.

Compreender isso e trazer a inovação como gatilhos para o desenvolvimento de novos produtos, serviços, soluções para os desafios de reinvenção da marca, é o que as organização não devem apenas recorrer como saída, mas ter como prioridade de desenvolvimento organizacional e mais alinhamento com as novas gerações.

Hackathons, a melhor recomendação

Puxei a sardinha forte agora, hein? Mas esse bilhete é verdade! Os Hackathons são excelentes maneiras de você criar vinculo não só com novos clientes, consumidores, mas até mesmo outras empresas que possam estar como parceiras nesse evento que é uma ação de Inovação Aberta. Já falamos aqui no blog do Hackathon Academy o que é um hackathon, como desenvolver, como preparar, como cuidar dos participantes e muito mais. Todos os principais conteúdos para você criar o seu evento de sucesso.

No Hackathon Academy toda a experiência é colaborativa, desde a construção com o cliente, até a escolha da equipe para trabalhar no projeto. Uma particularidade do Hackathon Academy é que a gente busca sempre valorizar a nossa comunidade também, onde existem diversas pessoas que estão no início de suas carreiras e a gente busca sempre gerar essas oportunidades e relacionamentos com os clientes, trazendo toda a experiência que  agente tem por aqui, atrelando ao que aquela pessoa queira aprender.

Matheus Carvalho

Líder na Rio Sul Valley, Maker na ErreJota, Agente InovAtiva, Embaixador no Angel Investor Club, Community Manager no Hackathon Academy e Projects & Operations na Haze Shift